quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Bahia convocará 2 mil PMs da Reserva para funções de retaguarda

Rui anuncia convocação de 2 mil PMs da reserva || Foto Carol Garcia/GovBA
O governo baiano anunciou, há pouco, que encaminhará à Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), ainda neste mês, projeto de lei criando uma remuneração especial para policiais da reserva – oficiais e soldados. Segundo o governador Rui Costa, os profissionais da reserva serão convidados a retornar à ativa para exercer funções de retaguarda, a exemplo de monitoramento de câmeras de segurança, que exigem a presença de policiais 24 horas por dia, ao longo de sete dias na semana. “Com isso, vamos liberar quase dois mil policias de funções de retaguarda e da área administrativa, para atuar nas ruas”, afirmou. Com os dois mil policiais e igual número de novos concursados da Polícia Militar, cujo concurso está em andamento, o governador afirmou que a Segurança Pública do Estado contará com o reforço de mais quatro mil policiais para atuar nas ruas das cidades baianas já no primeiro semestre de 2018.

Vereador mais bem votado de Ilhéus tem mandato cassado pela Câmara

Jamil Ocké está preso acusado de fraude milionária no município (Foto: Reprodução)
A Câmara de Vereadores cassou, há pouco, o mandato do vereador e ex-secretário de Desenvolvimento Social de Ilhéus, Jamil Ocké. Vereador mais votado do município sul-baiano em 2016, Ocké está preso no Presídio Ariston Cardoso desde 21 de março, na Operação Citrus. 
Deflagrada pela Polícia Civil e Ministério Público Estadual, a operação investiga esquema responsável por um rombo estimado em mais de R$ 25 milhões por meio de fraudes em licitações na Secretaria de Desenvolvimento Social. Além de Jamil, também estão presos o ex-secretário e braço-direito de Kácio Brandão e o empresário Enoch Andrade. 
A Câmara decidiu pela cassação do mandato de Jamil Ocké devido a sua ausência das atividades legislativas por mais de 120 dias, além de se ausentar em mais de um terço das sessões. 
Juridicamente, o mandato foi extinto. Os vereadores ainda discutem o parecer em sessão presidida por Lukas Paiva (PSB). Também do PP, Luiz Carlos Escuta assume em lugar de Ocké. //Pimenta

Salário mínimo passará a ser de R$ 979 em 2018; diferença é de R$ 42

Resultado de imagem para Salário mínimo passará a ser de R$ 979 em 2018; diferença é de R$ 42
O salário mínimo do ano de 2018 terá um aumento de 4,5%, chegando a R$ 979, contra os R$ 937 deste ano. O aumento foi aprovado na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), sancionada por Michel Temer. A LDO define as metas e prioridades do governo para o ano seguinte. A sanção deverá ser publicada no Diário Oficial da União nesta quarta-feira (9). 
Os vetos dados por Temer foram justificados por ele porque os itens iam de “contrariedade ao interesse público e inconstitucionalidade”. Um dos vetos foi ao item que definia que o Executivo adotaria providências e medidas com o objetivo de reduzir os incentivos e benefícios de natureza tributária, financeira, creditícia ou patrimonial. Outro ponto foi a previsão de que projetos de lei e medidas provisórias relacionadas ao aumento de gastos com pessoal e encargos sociais não poderiam ser usados para reajustes salariais que fossem posteriores ao término do mandato presidencial. 
O texto da LDO manteve a meta fiscal proposta pelo governo, com um déficit primário de R$ 131,3 bilhões para o governo federal, estados, municípios e empresas estatais, dividindo R$ 129 bilhões para os orçamentos Fiscal e da Seguridade Social da União e R$ 3,5 bilhões para o Programa de Dispêndios Globais. O crescimento real da economia brasileira foi projetado para 2,5%, a taxa básica de juros (Selic) para 9%, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (INPC) de 4,5% no ano e o dólar chegando a R$ 3,40 no fim do ano.

Mulher que tramou morte de amiga na academia em Lauro de Freitas é presa

A dona de casa Fernanda dos Santos Alves, de 37 anos, pagou R$ 500 para matar Jumaria dos Santos Barbosa, 41, assassinada a tiros, em abril, numa academia de ginástica, no centro de Lauro de Freitas. A mulher foi apresentada à imprensa, nesta segunda-feira (7), no auditório do edifício-sede da Polícia Civil, na Praça da Piedade, região central de Salvador. 
Durante a apresentação, o titular da 23ª Delegacia Territorial (DT), de Lauro de Freitas, delegado Joelson Reis, e o delegado Maurício Costa, também daquela unidade, explicaram os detalhes das investigações que levaram à prisão de Fernanda, ocorrida no dia 12 de julho, na cidade de Natal, e a participação de outras cinco pessoas. 
Fernanda estava escondida na casa de parentes, no Rio Grande do Norte, e teve o mandado de prisão preventiva cumprido por policiais da 23ª DT, que contaram com o apoio de equipes da Delegacia Especializada de Homicídios (Dehom), daquele estado.
Interrogada pelo delegado Joelson Reis, ela confessou ter encomendado a morte de Jumaria por desconfiar que ela estivesse fazendo “trabalhos de magia negra” para mantê-la afastada do ex-marido, por quem a vítima estaria interessada. Elas se conheceram, no final do ano passado, e acabaram se tornando amigas. O titular da DT/Lauro de Freitas também mostrou fotografias de Rakmus Varjão Pereira Alves, sua mulher Taís Santos Ferreira, Diego Silva dos Santos e Gilmário Carneiro dos Santos, também envolvidos na morte de Jumaria. Todos eles já possuem mandado de prisão preventiva expedidos pela Justiça. Rakmus é irmão de Fernanda por parte de pai. 
Poucos dias antes da morte de Jumaria, todos os envolvidos se encontraram num bar, onde tramaram como fariam a execução. No dia do crime, Branco foi à academia se passando por alguém interessado em se matricular. Ele se aproveitou que a vítima estava distraída e efetuou quatro disparos. Rakmus e Gilmário foram os responsáveis por contratar Branco e Diego, que tem outros dois mandados de prisão por homicídio em aberto, e deram cobertura ao assassino.

Força-tarefa apreende 750 Kg de maconha em Simões Filho

Cerca de 750 quilos de maconha e uma espingarda foram apreendidas na manhã desta segunda-feira (7), em um sítio localizado na BA 093, em Simões Filho, nas proximidades da fábrica da Eternit. Informações colhidas pela Força-Tarefa da Secretaria da Segurança Pública e pela Polícia Federal colaboraram para que policiais da 22ª Companhia Independente da Polícia Militar chegassem ao imóvel, utilizado como ponto de distribuição de drogas. Diego da Hora Silva Santos e Jean Nepomuceno Lima estavam no sítio e tentaram fugir, mas foram capturados pelas equipes. Assim como o material apreendido, a dupla foi apresentada na Delegacia da Polícia Federal. A polícia acredita que o material seria distribuído em Salvador e na Região Metropolitana. Essa é a segunda grande apreensão de drogas na RMS nos últimos dias. No sábado (5), em Mata de São João, a Rondesp/RMS apreendeu 57 tabletes de maconha, além de um grande saco cheio da droga e 44 pinos de cocaína e balanças com Vinícios Paris de Lima, que foi encaminhado para o Plantão Metropolitano de Camaçari. Fonte SSP-BA

Acusado de praticar homicídio na Cidade Nova é preso pela Polícia Militar

PETO 66 prende acusado de praticar homicídio na Cidade Nova
Policiais do Pelotão de Especialidade em Táticas Operacionais (PETO), da 66ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), prenderam no final da manhã desta sexta-feira (04-08-17), Filipe Castro Cruz, 18 anos, morador do bairro Parque Ipê, em Feira de Santana. Ele é acusado de praticar um homicídio quando era menor de idade. 
Segundo informações da polícia, por volta das 11h30, no transbordo da Cidade Nova, o Peto Sertão da 66 CIPM abordou a pessoa de Filipe Castro, haja vista que o mesmo se encontrava em atitude suspeita. Após abordagem foi verificado a existência de mandado de prisão em desfavor do mesmo por homicídio. Foi conduzido inicialmente para o Complexo de Delegacias do Sobradinho e posteriormente apresentado a Delegacia para o Adolescente Infrator (DAÍ).

Mulher que mandou matar amiga em academia pediu para ouvir os tiros

Fernanda foi apresentada pela Polícia nesta segunda-feira
A dona de casa Fernanda dos Santos Alves, 37 anos, que confessou ter mandado matar a própria amiga, Jumaria dos Santos Barbosa, 41, pediu para ouvir os tiros dados contra a vítima. Segundo a polícia, Fernanda contou que o assassino, antes de executar a mulher dentro de uma academia, em Lauro de Freitas, ligou para a mandante para confirmar se a vítima tinha uma borboleta tatuada no braço. Ela aproveitou e pediu para ele não desligar, para poder ouvir os disparos. Jumaria foi morta com quatro tiros, na nuca, no pescoço e na cabeça, no dia 12 de abril deste ano. 
Fernanda conheceu a amiga em outubro do ano passado e suspeitava que ela tivesse feito um ‘trabalho espiritual’ para separá-la do marido. Ela pagou R$ 500 pelo assassinato. A dona de casa confessou o crime e foi apresentada nesta segunda-feira (7), na sede da Polícia Civil, no bairro da Piedade, em Salvador. Segundo o titular da 23ª Delegacia (Lauro de Freitas), Joelson Reis, Fernanda já estava separada do marido, que é empresário e mora em São Paulo. O casal ficou junto por cerca de 15 anos e tem dois filhos, de 13 e 7 anos. No ano passado, o relacionamento terminou, mas eles ainda tinham recaídas. Ela viajava para vê-lo e ele ficava com ela toda vez que vinha para Salvador. “Em outubro, ela e Jumaria se encontraram no aniversário de uma amiga que tinham em comum. 

Fernanda soube que Jumaria jogava tarô e fazia trabalhos espirituais e pediu que ela fizesse um para reaproximá-la do ex-marido”, contou o delegado. No começo de 2017, a dona de casa disse para a polícia que foi ver o marido, e o encontro foi conturbado. Ele estava frio e os dois tiveram desentendimentos. Quando ela retornou para Salvador soube, através de outra amiga, que Jumaria teria feito um trabalho espiritual contrário, ou seja, para separá-la do marido. Fernanda, então, começou a planejar o crime. //Correio

Dupla é presa acusada de homicídios em Porto Seguro

Sinval e Eduardo são acusados de envolvimento em dois homicídios em Porto Seguro
Duas pessoas acusadas de assassinato foram presas na sexta-feira (04), em Porto Seguro, em cumprimento a mandados de prisão expedidos pela Comarca de Porto Seguro. Eduardo Martins Rocha, 20 anos, o Playboy, e Sinval Manoel de Jesus Júnior, 19, mais conhecimento como Pica-Pau, já estavam sendo monitorados por agentes do Setor de Investigação da 1ª Delegacia Territorial. 
Segundo informou o delegado Moisés Damasceno ao site Radar64, eles espancaram – em 29 de julho, no bairro Paraguai, Jhonatas da Conceição Mota, de 24 anos. A vítima morreu três dias depois no Hospital Luís Eduardo Magalhães. 
A motivação do crime, conforme apontou o inquérito, foi fútil, pois os bandidos acreditavam que a vitima teria furtado um botijão de gás na comunidade. “Sinval e Eduardo fazem parte de uma facção criminosa de Porto Seguro. Costumavam traficar drogas nos bairros Belo Campo e Paraguai, sendo que Eduardo havia assumido o ‘comando’ daquela área. O crime também pode ter relação com a disputa pelo tráfico”, revelou o delegado Moisés Damasceno. //Radar 64

sábado, 24 de junho de 2017

Prefeito Oziel da Ambulância inicia reforma do Centro Administrativo de Camacã visando melhorar os serviços lá ofertados à população

A Prefeitura Municipal de Camacã, seguindo a política de recuperação dos prédios públicos do município, iniciou essa semana a obra de reforma do telhado do Centro Administrativo de Camacã, na Avenida dos Pioneiros.
O imponente prédio que em 1979 era escritório da CEPLAC a certo tempo passou ser destinado o Centro Administrativo de Camacã, abrigando Secretarias e Departamentos da Administração Municipal.
O fato é que muitas décadas depois de ser inaugurado, boa parte da estrutura do prédio já se encontram desgastadas e o telhado comprometido. Quem visita a sede do Poder Executivo Municipal sabe: já passou da hora de reformá-la, pois infiltrações e deficiências no telhado muito antigo causavam uma série de transtornos aos servidores municipais que trabalham nos órgãos localizados no prédio.


Após o trabalho ser realizado vai acabar com as goteiras que prejudicam as atividades, sobretudo infiltrações em dependências de trabalho dos servidores. O prazo para a conclusão das obras depende das condições climáticas. Integrantes da Defesa Civil acompanharam no local os trabalhos preservando o local e mantendo os curiosos afastados.
Loading...